You are on page 1of 21

AULA 1

Introdução à Estética
e à História da Arte
O que é a Estética?

Estética e História da Arte – Unime – 2019.1


O que é a
Estética?
O que é a Estética?

O que é a Estética?
O que é a Estética?
• Ramo da filosofia que estuda o belo e
os sentimentos que suscita nos seres
humanos
• No campo das artes: associada a uma
forma de expressão artística
• Na filosofia: prática e ação filosófica

Estética e História da Arte – Unime – 2019.1


O que é a Estética?
• ETIMOLOGIA:

αίσθηση
(aisthésis)

• “faculdade de sentir”
• “compreensão pelos sentidos”
• “percepção totalizante”

Estética e História da Arte – Unime – 2019.1


Filosofia do Belo
• Belo: propriedade do objeto
• Estética como campo de estudos da
propriedade dos objetos artísticos
• Filosofia clássica (Platão):

BELO BELO
(natureza) (arte)
Primazia Vida cotidiana
Sublime Objeto

Estética e História da Arte – Unime – 2019.1


Filosofia do Belo
• Por muito tempo, formulou-se uma separação entre o
natural/real e o artístico/estético
• Ainda que Platão visse o belo na natureza, ele concebia
um domínio da natureza nas formas artísticas
• Aristóteles propõe pensarmos em representações do real,
ou seja, estratégias criadas pelos artistas para se
aproximar da realidade (mímesis)
• Hegel: formula a ideia de que a beleza artística não pode
ser suplantada pela natureza porque, enquanto a natureza
“nasce” uma vez, ela está dada, a arte “nasce” duas vezes
do espírito.
• Fundamento para pensar estética como uma filosofia da
arte

Estética e História da Arte – Unime – 2019.1


Estética – Filosofia Clássica
SÓCRATES (470 – 399 a.C)
• O que a pintura pode representar?
• Qual a essência da pintura?
• Belo é o útil: aquilo é que permissível
através dos sentidos
• Função do belo: ele não seria nada, até
o momento em que lhe damos
utilidade.
Estética e História da Arte – Unime – 2019.1
QUAL A UTILIDADE
DO BELO?

Estética e História da Arte – Unime – 2019.1


Estética – Filosofia Clássica
PLATÃO (427 – 347 a.C)
• Levar em conta o caráter representativo
da pintura e da escultura
• Poesia e a música exercem grande
influência sobre nossos estados de
ânimo (PÓIESIS)
• Sensibilidades que afetam, positiva ou
negativamente, o comportamento
moral dos homens (AISTHÉSIS)
Estética e História da Arte – Unime – 2019.1
Estética – Filosofia Clássica
PLATÃO (427 – 347 a.C)
• 3 PROBLEMAS PARA AS ARTES
Essência da pintura e da escultura
com a realidade
Relação das obras com a beleza
Efeitos morais e sensoriais da música
e da poesia

Estética e História da Arte – Unime – 2019.1


Estética – Filosofia Clássica
PLATÃO (427 – 347 a.C)
• CONTRIBUIÇÕES:
 Problemas filosóficos como existência e
finalidade das artes (crítica à Socrates)
 A arte e seus objetos artísticos como objetos de
investigação teórico-filosófica
 Poíesis: processo criativo, ação, conhecimento e
aprendizado lúdico, converter algo ainda
considerado como “não ser” em “ser”.
 Descoberta de suas próprias verdades
filosóficas em movimentos de criação artística,
mediante a prática do auto-conhecimento.

Estética e História da Arte – Unime – 2019.1


Estética – Filosofia Clássica
PLATÃO (427 – 347 a.C)
• CONTRIBUIÇÕES:
 O inteligível e o sensível: formas puras e
essenciais/ o fundamento da existência dos
seres. Assim, tanto os seres da natureza
quanto os homens são cópias sensíveis de
modelos originais inteligíveis.
 Julga a arte como imitação, capaz de
enganar, uma vez que a realidade sensível já
é uma imitação do inteligível. (simulacro).

Estética e História da Arte – Unime – 2019.1


Estética – Filosofia Clássica
A ARTE IMITA A VIDA?

Huynh Cong "Nick" Ut – Associated Press (1972)


A ARTE IMITA A VIDA?

Miguel Rio Branco


A ARTE IMITA A VIDA?

Miguel Rio Branco


A ARTE IMITA A VIDA?

Miguel Rio Branco


Estética – Filosofia Clássica
ARISTÓTELES (384 – 322 a.C)
• Ideias relativas à origem da poesia e
dos gêneros poéticos
• Crítica a ideia platônica de simulacro
• Pensar a realidade já como o sensível;
ser humano se constrói de diversas
maneiras

Estética e História da Arte – Unime – 2019.1


Estética – Filosofia Clássica
ARISTÓTELES (384 – 322 a.C)
• Imitação representa uma composição de
narrativas (formas de contar a realidade)
• Representações mostram experiências possíveis
(mimese).
• A mimese tem um caráter pedagógico, seu
efeito (catarse) promove uma identificação.
• Cartase mobiliza nossos sentimentos, que
purificam e educam, caracterizando normas de
ações.

Estética e História da Arte – Unime – 2019.1


POÉTICA (ARISTÓTELES)

Palavra como
POESIA meio de
expressão

TRAGÉDIA COMÉDIA EPOPÉIA

****RETRATAR AÇÃO DOS HOMENS****


Ação completa, Ação política Narrativa
acabada do riso Reflexão
Essencial do Realidade filosófica
destino do piorada sobre a vida
homem Apelo popular humana
Bons, nobres e Arte Duração
exemplares desprestigiada ilimitada

Estética e História da Arte – Unime – 2019.1