You are on page 1of 3

Missa Crismal com Bispo Diocesano

Na Sacristia permanece somente o cerimoniário, o Mitrífero e o Baculífero. Na chegada


do Bispo o Cerimoniário se necessário ajuda o Bispo com a Paramentação e faz todas as
combinações necessárias referente a homilia, rito do crisma, Oração Eucarística, avisos
e benção.
Na porta da igreja o outro Cerimoniário junto com os demais Acólitos prepara a
procissão de entrada e faz se o comentário inicial, a procissão faz-se da seguinte forma:

Cerimoniário e o Turiferário
Vela, Cruz e Vela
Naveteiro
Coroinhas
Acólitos
Leitores
Ministros
Diáconos
Padres
Bispo
Mitra e Báculo
Cerimoniário

- Chegando o Bispo ao pé da escada ele depõe a Mitra e entrega o Báculo


- No Altar já se preparam o Turiferário e o Naveteiro
- Após o Bispo beijar o Altar o Turiferário e o Naveteiro se apresentam para a
incensação o Bispo deita incenso e recebendo o Turíbulo incensa todo o Altar
- Terminando a incensação o Bispo entrega o turíbulo e vai para a cátedra
- O padre da as Boas Vindas ao Bispo; Nisto entra o Ambão ou se combinado só o
Acólito com o Missal e dá inicio aos rito iniciais.
- Ato Penitencial normal
- Glória ( s for tempo de quaresma ou advento omite-se o glória )
- Se não foi usado o Missal conforme combinado com o Bispo o Missal entra logo no
fim do Glória ou se não for cantado o Glória no fim do Ato Penitencial
- Após a oração da coleta o Bispo se senta e recebe a Mitra.
- Primeira Leitura
- Salmo; Neste momento o Turiferário e o Naveteiro vão preparar o Turíbulo
- Segunda Leitura; neste momento saem os ceroferários para se prepararem em oração
e as velas concentrando-se para sua função.
- Terminando a segunda Leitura o responsável pelos livros retira o Lecionario da
mesa da palavra.
- Aclamação ao Evangelho terminando o Comentário entra o Turiferário pelo lado
esquerdo do Altar e o Naveteiro pelo lado Direito. Ajoelham-se os dois a frente do
Bispo e o Bispo benze o incenso; Logo após a entrada do Naveteiro se não houver a
presença do círio Pascal, os Ceroferários se encaminham para a mesa da palavra
junto com o Cerimoniario que ficará com o Microfone se for necessário. Mais se o
círio estiver la apenas entra o Cerimoniário
- O bispo depõe a Mitra e fica de pé assim que o diácono começa a incensar o
evangeliário, o bispo recebe o baculo
- Após a proclamação do Evangelho entra o Ambão se for ser usado pelo Bispo ai o
Bispo entrega o Báculo e põe a Mitra se não for usar o Ambão ele provavelmente
fará a homilia com o Báculo então ele só colocara a Mitra pois o Báculo já estará
com ele
- Terminada a homilia o Acólito responsável Retira o Evangeliário da mesa da
Palavra.
- Após a homilia o Bispo dará inicio ao rito do Crisma aproxima-se dele o
Cerimoniário com o ritual da iniciação Cristã e o Bispo dará inicio a renovação das
promessas batismais e o Símbolo ( Renuncio e Creio )
- O Bispo depõe a mitra e de mãos estendidas faz a oração ( isso é opcional de cada
Bispo alguns fazem com a Mitra)
- Se o Bispo depôs a Mitra anteriormente ele a coloca e junto do Diácono se aproxima
dos Crismandos para a Unção com o Óleo do crisma
- Crisma-se os candidatos.
- Quase no fim dos Crismandos já se prepara os acólitos com o Lavabo para o Bispo
um com o jarro de Água, outro com a bacia e a toalha e outro com o sabonete o
limão.
- Depois o Bispo depõe a Mitra
- Faz-se a Oração da Comunidade
- Já se preparam na credencia os coroinhas com as ofertas e os acólitos que ficaram
com o Missal e o Ambão se o mesmo foi usado pelo Bispo. Também o Turiferário
prepara o Turíbulo e o Naveteiro aguarda em silêncio se concentrando para realizar
sua função
- Começando o ofertório entram as ofertas e o missal. Após a entrada das galhetas já
se preparam o Turiferário e o Naveteiro para o rito da incensação. Tendo o Bispo
feita toda a incensação ele se apresenta diante do Diácono para ser incensado se não
houver diácono o Cerimoniário deve fazer a incensação do Bispo o Reverenciando
antes e depois da incensação. Feito isso Vai e incensa o povo com 1 ducto no centro
e 1 a cada lado.
- Feita a incensação do Bispo entra o lavabo com 2 coroinhas um com a bacia e o
manustérgio e outro com o jarro de água .
- Após a Oração sobre as Oferendas o cerimoniário retira o solideo do Bispo
- Na sacristia permanece o Naveteiro esperando o Turiferário para entrar na
consagração
- Quase no fim do canto do Santo entra o Turiferário do Lado Esquerdo e o Naveteiro
do lado Direito ficando em pé em a frente do presbitério após o toque do sino da
santificação faz-se a reverencia e ajoelham-se os dois a consagração segue normal
fazendo-se os três ductos de cada lado ou todos no centro para o Pão e também para
o vinho que se tornam Corpo e Sangue de Jesus Cristo assim que o Bispo dizer Eis o
mistério da fé, os Acólitos levantam-se e após a resposta eles fazem novamente a
reverencia e saem do altar.
- Segue normal todo o resto da Oração até a comunhão; o Bispo tendo saído para
distribuir a comunhão o Acólito responsável pelo Missal já retira tudo do Altar.
Missal acrílico e demais pertences que devem ser retirados do altar
- O Bispo terminando de servir a Comunhão retorna ao altar onde já se Prepara o
acólito com o Purificatório para o Bispo
- O bispo retorna a Cátedra e recebe o solideo.
- Tendo em vista que o canto da comunhão está terminando entra o Acolito com o
missal com ou sem o Ambão para a oração pós comunhão. O Bispo faz a oração e o
Acólito com o Ambão e o Missal se retira o Bispo se senta para ouvir os Avisos que
o Padre direciona a assembléia após os avisos segue homenagens e também o
Agradecimento ao Bispo se houver a entrega de presentes ao Bispo o Cerimoniario
se aproxima dele e recebe o presente.
- Terminando o Avisos o Bispo recebe a Mitra e dá inicio a Benção Final
- Atras do Altar já se prepara a Procissão de Saída que devera sair na mesma ordem
em que entrou.
- No momento das palavras abençoe o Deus.... o Bispo recebe o Báculo e termina a
benção; Depois beija o Altar reverencia a cruz ou não e sai a procissão da mesma
forma que entrou.

Escala

Cerimoniário 1-( responsável pelo Bispo e seus pertences )


Cerimoniário 2-( responsável pelos demais Acólitos e o Ambão)
Cerimoniário 3-( Mitrífero )
Cerimoniário 4-(Baculífero )
Acólito 1-( Turiferário e pegar o Presente do Bispo das mãos do Cerimoniário)
Acólito 2-( Naveteira e pegar o Presente do Bispo das mãos do Cerimoniário)
Acólito 3-( Cruz Processional, Lecionário e Sabonete c/ Limão )
Acólito 4-( Vela, Evangeliário, Lavabo e Missal )
Acólito 5-( Vela, Bacia, Coroinhas e Purificatório)

Objetos

- Turíbulo: Se utiliza na entrada, para incensar o altar no inicio da missa, no evangelho,


no ofertório e na consagração.
-Naveta: Se utiliza na entrada, para incensar o altar no inicio da missa, no evangelho,
no ofertório e na consagração.
- Velas: Se utiliza na entrada e no evangelho se no estiver o círio no presbitério.
- Cruz Processional: Se utiliza na entarda e na saída.
- Mitra: Se utiliza na entrada, na liturgia da palavra (durante as leituras), homilia, no
rito do crisma(durante a unção dos crismandos) e na Bençao final.
- Báculo: Se utiliza na entrada, no evangelho, na homilia( se for de preferência do
Bispo) e na bençao final.
- Solidéo: Se utiliza antes de subir ao presbitério, durante os ritos iniciais da missa, no
evangelho, na renovação das promessas batismais e o símbolo ( renuncio e creio),
ofertório, oração sobre as ofertas e depois que terminar de distribuir comunhão.
- Lavabo, bacia, sabonete e limão: apenas depois que o Bispo terminar de fazer a
unção com o óleo do crisma

Obs:a única parte da celebração em que o bispo permanece sem mitra, solideo e báculo
é desde a oração eucarística até ação de graças, onde ele coloca a solideo