You are on page 1of 11

1 ORGANIZAÇÃO

-ASSOCIAÇÃO ATLETICA ACADEMICA DO DIREITO E CENTRO UNIVERSITÃRIODO UNIFEB-


- PRO-REITORIA DE EXTENSÃO E CULTURA -

REGULAMENTO DO IIº JOGOS UNIVERSITÁRIOS DE


BARRETOS - JUBA.
BARRETOS – 2.010
PERÍODO DE 27 A 30 DE OUTUBRO.

I - DA PROMOÇÃO E OBJETIVOS
ARTIGO 01: O IIº JOGOS UNIVERSITÁRIOS DE BARRETOS - JUBA é uma promoção da
Associação Atlética Acadêmica do Curso de Direito com o apoio Centro Universitário da Fundação
Educacional de Barretos, através da Assessora Acadêmica da Pro-Reitoria de Extensão e Cultura.
ARTIGO 02: Procurar-se-á através do desenvolvimento do campeonato, promover um intercâmbio
esportivo entre os participantes, bem como contribuir para o desenvolvimento e integração da
comunidade Febiana.

II - DA ORGANIZAÇÃO E DIREÇÃO
ARTIGO 03: O IIº JOGOS UNIVERSITÁRIOS DE BARRETOS - JUBA obedecerá às disposições
desse regulamento das regras oficiais das Federações Paulista e das demais Legislações Esportivas
em vigor.
ARTIGO 04: A organização e coordenação geral do campeonato serão da Associação Atlética
Acadêmica da Faculdade de Direito e apoio da Reitoria do Centro Universitário da Fundação
Educacional de Barretos, através da comissão organizadora.
ARTIGO 05: A organização compete:
a) interpretar este regulamento e zelar pela sua execução
b) elaborar, observar e fazer cumprir a tabela dos jogos.
c) designar oficiais de arbitragem e representantes dos jogos não sendo admitido qualquer
impugnação ou veto aos indicados.
d) aprovar ou impugnar resultados dos jogos após exame das súmulas e respectivos relatórios no
prazo de 12 horas úteis após sua realização.
e) apreciar e julgar todas as infrações cometidas neste campeonato.
f) examinar os documentos dos atletas inscritos de acordo com o estabelecido neste regulamento.

III - DOS PARTICIPANTES

ARTIGO 06: Poderão participar do campeonato somente equipes representantes do Centro


Universitário da Fundação Educacional de Barretos.

Parágrafo 1° - Cada curso poderá ser representado apenas por uma equipe em cada
modalidade e sexo, respectivamente.
2 ORGANIZAÇÃO
-ASSOCIAÇÃO ATLETICA ACADEMICA DO DIREITO E CENTRO UNIVERSITÃRIODO UNIFEB-
- PRO-REITORIA DE EXTENSÃO E CULTURA -
Parágrafo 2° - A participação dos atletas será de inteira responsabilidade de quem os
inscrever, cabendo aos cursos e/ou Atléticas constituídas, as providências quanto às condições de
aptidão física, clínica do atleta para a participação para a prática da respectiva modalidade.

ARTIGO 07: Somente poderão participar do campeonato atletas que estejam devidamente inscritos
no certame e que tenham algum vinculo com a Instituição. Atletas menores de 18 anos de idade
ficam sob a responsabilidade de cada representante das equipes em qual estiver inscrito.

ARTIGO 08: A entidade que participar com atletas irregulares (não inscritos) será automaticamente
eliminada do certame.

IV - DOS JOGOS

Artigo 09: - Serão disputadas as seguintes modalidades esportivas:

MASCULINO: Basquete, voleibol, futebol de campo, fut-sal, judô, handebol, biribol, truco
misto, xadrez misto, natação, atletismo e arrecadação de alimentos.
.
FEMININO: Basquete, voleibol, handebol, fut-sal, voleibol de areia, natação, atletismo, truco,
xadrez misto e arrecadação de alimentos.
.
ÚNICO: os IIº JOGOS UNIVERSITÁRIOS DE BARRETOS - JUBA se desenvolverá com
contagem de pontos em separado para cada sexo a fim de se apurar o campeão geral.

Parágrafo 1º - Haverá campeão geral somando-se os pontos em todas as modalidades até o


8º lugar.

Parágrafo 2º - Haverá disputa apenas para o 1º e 2º lugares; as demais colocações sairão da


chave dos vencedores. (3º lugar, 5º lugar, 7º lugar), e da chave dos perdedores (4º lugar, 6º
lugar, 8º lugar).

V - DAS INSCRIÇÕES

ARTIGO 10 - São condições fundamentais para que o atleta participe dos jogos, estar devidamente
matriculado nos cursos da UNIFEB, e estar com freqüência regular nos mesmos.

Parágrafo 1° - Será cobrada pela Associação Atlética Acadêmica de Direito UNIFEB uma taxa
de participação por modalidade, categoria e sexo. A taxa será definida pela comissão organizadora
de acordo com os gastos e suas necessidades para a realização do evento.

Parágrafo 2° - A taxa de inscrição deverá ser recolhida até o dia da entrega das Relações
Nominais. Caso isso não ocorra o curso/universitário estarão impedidos de participar.

ARTIGO 11 – Na hora do jogo, independentemente qual seja, cada atleta deverá apresentar, a
carteira escolar da instituição ou carteira de identidade, ou carteira nacional de habilitação.

ARTIGO 12 - Todos os representantes dos cursos ou Associações Atléticas deverão entregar até o
dia 20/10, as relações nominais de todas as modalidades, preenchidas com letra legível ou entregues
através de e-mail (nome completo e n° de matricula).
3 ORGANIZAÇÃO
-ASSOCIAÇÃO ATLETICA ACADEMICA DO DIREITO E CENTRO UNIVERSITÃRIODO UNIFEB-
- PRO-REITORIA DE EXTENSÃO E CULTURA -
ARTIGO 13 – Os IIº JOGOS UNIVERSITÁRIOS DE BARRETOS – JUBA – serão disputados pelas
seguintes equipes assim distribuída: 01 – Administração/Serviço Social. 02 – Agronomia/Zootecnia.
03 – ISE/Ed. Física/Quimica Tecnológica/Física Médica. 04 – Odontologia. 05 – Farmácia/Engenharia
de Alimentos. 06 – Engenharia. Química/Engenharia Elétrica/Engenharia Mecânica/ Engenharia de
Produção/ Sistema de Informação. 07 – Engenharia Civil/Engenharia Ambiental. 08 – Direito.

VI - DAS COMPETIÇÕES

ARTIGO 14 - Os jogos e competições terão início em horários fixados pela Comissão Organizadora,
sendo considerada perdedora por não comparecimento a representação que não se apresentar na
quadra ou local, no horário previsto, com material esportivo e devidamente uniformizado, observadas
as eventuais tolerâncias do Regulamento.
Parágrafo 1º - Entende-se por devidamente uniformizado, para as competições de quadra e
para o futebol de campo, as equipes se apresentarem com camisas, calções e meias não
sendo permitida o uso de bermudas.

Parágrafo 2º - Os técnicos, dirigentes ou capitães, deverão entregar 15 (quinze) minutos antes


do horário marcado para os jogos na mesa de controle, a escalação da equipe.

Parágrafo 3º - Será considerada perdedora a equipe que se apresentar no local dos jogos ou
competições depois de esgotados 15 (quinze) minutos de tolerância da hora marcada, mesmo
que, por cortesia o adversário se prontifique a jogar. A equipe que não comparecer no horário
previsto (WO) perderá 10 (doze) pontos na contagem geral, além de não ganhar os pontos à
posição que se classifique.

ARTIGO 15 - Quaisquer jogos ou competições que venham a ser suspensas ou transferidas por
motivos alheios aos participantes, terão novo horário marcado pela Comissão Organizadora para sua
realização.

Parágrafo1º - Somente a Comissão Organizadora poderá transferir os jogos e competições,


não necessitando, para tanto a aprovação das equipes participantes.

Parágrafo 2º - Não será atendido pedido para acomodar horários de jogos, às conveniências
de qualquer equipe, salvo quando tal solicitação for para o bom andamento dos jogos.

ARTIGO 16 - Será desclassificada dos IIº JOGOS UNIVERSITÁRIOS DE BARRETOS - JUBA, na


modalidade esportiva a representação que se recusar, sob qualquer protesto, a continuar a disputa
de uma partida.

VII - DA CERIMÔNIA DE ABERTURA DOS JOGOS

ARTIGO 17 - Na Cerimônia de Abertura, as representações dos cursos convidados, serão


obrigadas a participar no mínimo com 10 (dez) atletas masculino e 10 (cinco) atletas feminino.

Parágrafo 1º - A representação que melhor se apresentar na Cerimônia de Abertura, ganhará


dez pontos na contagem geral; serão observados: 1) uniforme e organização da delegação; 2)
torcida organizada.

Parágrafo 2º - A comissão julgadora será composta pelas autoridades e professores


presentes no cerimonial de abertura.
4 ORGANIZAÇÃO
-ASSOCIAÇÃO ATLETICA ACADEMICA DO DIREITO E CENTRO UNIVERSITÃRIODO UNIFEB-
- PRO-REITORIA DE EXTENSÃO E CULTURA -

ARTIGO 18 - A Cerimônia de Abertura constará de:

a) Formação na quadra Ginásio Municipal de Esportes;


b) Desfile;
c) Hino Nacional entoado por todos os presentes quando do Hasteamento das bandeiras
Brasileira, Paulista e do Município;
d) Entrada do fogo simbólico e acendimento da pira olímpica;
e) Juramento do atleta: “Juro que venho a IIº JOGOS UNIVERSITÁRIOS DE BARRETOS -
JUBA. como competidor leal, respeitador dos seus regulamentos e dos meus
adversários, para honra do esporte universitário e glória do Brasil”;
f) Saudação e declaração de abertura dos jogos pela maior autoridade presente;
g) Desfile de retirada das delegações;
h) Início das competições.

VIII - DOS PRÊMIOS E TÍTULOS

ARTIGO 19 - Será conferido medalhas aos classificados de 1ºs, 2ºs lugares esportes coletivos e 1ºs,
2ºs, 3ºs lugares nos esportes individuais.

ARTIGO 20 - Será conferido 01 (hum) troféu de posse transitória (campeão geral), ao curso que
obtiver o maior número de pontos em todas as modalidades (masculino e feminino).

Parágrafo1º - A posse definitiva quando o curso conquistá-lo por três anos consecutivos ou
alternados.

ARTIGO 21 - Será conferido 01 (hum) troféu para os primeiros colocados em cada modalidade
esportiva.

ARTIGO 22 - Nos esportes coletivos e individuais para efeito de contagem de pontos, para se apurar
o Campeão Geral masculino e feminino, será adotado o seguinte critério:

1º lugar = 10 (dez) pontos


2º lugar = 07 (sete) pontos
3º lugar = 06 (seis) pontos
4º lugar = 05 (cinco) pontos
5º lugar = 04 (quatro) pontos
6º lugar = 03 (tres) pontos
7º lugar = 02 (dois) pontos
8º lugar = 01 (um) ponto

ARTIGO 23 - Será conferido a cada curso, 01 (um) ponto como bonificação por modalidade e sexo
participante.

Parágrafo Único - A equipe que deixar de comparecer ao jogo programado (WO), perderá o
direito da bonificação.

ARTIGO 24 - A realização da competição de qualquer modalidade e sexo, somente será possível


com a confirmação mínima de 03 (três) equipes.
5 ORGANIZAÇÃO
-ASSOCIAÇÃO ATLETICA ACADEMICA DO DIREITO E CENTRO UNIVERSITÃRIODO UNIFEB-
- PRO-REITORIA DE EXTENSÃO E CULTURA -
Parágrafo Único - Se houver desistência após a confirmação, a competição deverá ser
realizada entre duas equipes para efeito de pontuação. Caso haja apenas uma equipe, a
mesma receberá a pontuação correspondente.

ARTIGO 25 - Em caso de empate na classificação final obedecer-se-á ao seguinte critério para


desempate: a) maior número de primeiros lugares, b) persistindo o empate, será o desempate
efetuado pelo maior número de segundos lugares, e assim sucessivamente, com as classificações
subseqüentes; c) persistindo ainda o empate será realizado sorteio.

IX - REGULAMENTO DESPORTIVO

ARTIGO 26 - As competições e jogos das diversas modalidades serão presididos pelo Regulamento
Técnico da Coordenadoria de Esportes e Recreação e pelas regras e regulamentos em vigor nas
Federações do Estado de São Paulo.

X - DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

ARTIGO 27 – A Associação Atlética Acadêmica de Direito e O Centro Universitário da UNIFEB, não


se responsabilizarão por acidentes ocorridos com atletas ou por estes ocasionados a terceiros antes
e depois de quaisquer jogos ou competições.

ARTIGO 28 - Os cursos participantes serão responsáveis pelos locais dos jogos colocados à sua
disposição, zelando e cuidando para que não haja nenhum excesso.

Parágrafo Único - Caso seja comprovado o descumprimento do artigo anterior, o atleta será
responsabilizado e punido.

ARTIGO 29 - A Comissão Organizadora será soberana para apreciar e julgar todas as infrações
cometidas, nos IIº JOGOS UNIVERSITÁRIOS DE BARRETOS - JUBA, por dirigente, atleta,
torcedores ou quaisquer pessoas ligadas direta ou indiretamente ao ocorrido.

ARTIGO 30 - O atleta que for expulso em algum jogo estará suspenso automaticamente do próximo,
apenas na modalidade em que houve a expulsão, independente do julgamento da Comissão
Organizadora.

Parágrafo1º - No futebol de campo, o atleta que levar dois cartões amarelos não estará
suspenso automaticamente do próximo jogo.

Parágrafo2º - O atleta que agredir, física ou moralmente árbitro, dirigente ou qualquer outra
autoridade da competição será eliminado dos jogos, e não somente da modalidade,
independente das punições a que se sujeitará através dos estatutos disciplinares dos cursos.

ARTIGO 31 - Os sistemas de disputas das diversas modalidades deste regulamento a serem


adotados pela Comissão Organizadora para apurar os vencedores será:

a) Eliminação simples

ARTIGO 32 - Haverá um sorteio para a formação de 1 (um) grupo por modalidade e sexo.
6 ORGANIZAÇÃO
-ASSOCIAÇÃO ATLETICA ACADEMICA DO DIREITO E CENTRO UNIVERSITÃRIODO UNIFEB-
- PRO-REITORIA DE EXTENSÃO E CULTURA -
ARTIGO 33 - Para a formação do grupo será adotado o seguinte critério: o curso campeão da
modalidade do ano anterior será um “cabeça de chave do grupo”, os demais serão sorteados.

ARTIGO 34 - Os atletas deverão apresentar-se devidamente uniformizados nas competições e


disputas dos jogos, caso contrário, à critério do respectivo árbitro, poderão ser impedidos de delas
participarem.

ARTIGO 35 - Os árbitros dos jogos serão de livre escolha da Comissão Organizadora, sendo
escolhidos os de comprovada competência.

ARTIGO 36 - Dado o pequeno espaço de tempo, e a forma de disputa das competições não é
conveniente que um atleta participe de muitas modalidades esportivas.

ARTIGO 37 - O presente regulamento será modificado sempre que necessário a sua


atualização.

ARTIGO 38 - Os casos omissos serão resolvidos pela Comissão Organizadora.

XI - REGULAMENTO TÉCNICO

BASQUETEBOL

Artigo 9º - As partidas terão a duração regulamentar de 32 (trinta e dois minutos), divididos


em quatro períodos de oito minutos, com cinco minutos de intervalo.

Artigo 10º - Cada equipe poderá inscrever no máximo 12 atletas por jogo.

Parágrafo único – A escolha dos atletas é de total responsabilidade do representante das


equipes.

BIRIBOL

Artigo 11º - Será disputado por atletas do sexo masculino e número de atletas inscritos
poderá ser de no máximo 8 (oito).

Artigo 12º - As partidas serão disputadas em melhor de 03 (três) sets de 21 pontos, com
diferença mínima de 2 (dois) pontos, em sistema de tie-break.

Artigo 13º - As regras apresentadas pelo arbitro deverão ser, devidamente, cumpridas pelas
equipes.

FUTEBOL DE CAMPO

Artigo 14º - Os jogos de futebol de campo serão redigidos pelas regras em vigência na
Federação Paulista de Futebol e Futebol Soceity, sendo que as partidas terão a duração
regulamentar de 40 (quarenta) minutos, em dois períodos de 20 (vinte) minutos, com dez
minutos de intervalo.

Artigo 15º - Poderão atuar numa partida 7 (sete) atletas, incluindo o goleiro, podendo fazer
quantas substituições achar necessário.
7 ORGANIZAÇÃO
-ASSOCIAÇÃO ATLETICA ACADEMICA DO DIREITO E CENTRO UNIVERSITÃRIODO UNIFEB-
- PRO-REITORIA DE EXTENSÃO E CULTURA -
Artigo 16º - Nas partidas, em caso de empate no tempo regulamentar a decisão será por
pênaltis, sendo adotado o seguinte sistema:

a) Três penalidades máximas por três atletas diferentes, inclusive o goleiro.

b) Se ainda persistir haverá o emparceiramento de jogadores na cobrança de


penalidades até que saia um vencedor no emparceiramento.

Artigo 17º - Cada equipe poderá inscrever no máximo 18 atletas por jogo.

FUTEBOL DE SALÃO

Artigo 18º - O campeonato de futebol de salão masculino, será disputado de conformidade


com os regulamentos da Federação Paulista de Futebol de Salão, com duração de 40
(quarenta) minutos, divididos em dois tempos de 20 (vinte) minutos e 10 (dez) de
descanso. No feminino, a duração será de 30 (trinta) minutos, divididos em dois períodos de
15 x 15 minutos corridos, com 10 (dez) minutos de intervalo.

Parágrafo Único - nas partidas, em caso de empate no tempo regulamentar e após uma
única prorrogação de cinco minutos, se o empate ainda persistir, a decisão será por
penalidades máximas.

Artigo 19º - Cada equipe poderá inscrever no máximo 14 atletas por jogo.

HANDEBOL

Artigo 20º - O campeonato de handebol, será disputado de conformidade com os regulamento


da Federação Paulista de Handebol.

Artigo 21º - A duração das partidas de handebol será de 30 (trinta) minutos, com parciais de
quinze minutos e dez minutos de descanso. No feminino, a duração será de 20 (vinte)
minutos, divididos em dois períodos de 10 x 10 minutos corridos, com 10 (dez) minutos de
intervalo.

Parágrafo Único - Nas partidas, no caso de empate no tempo regulamentar e persistindo o


empate após uma prorrogação de 5 (cinco) minutos, a decisão será feita por 03 (três) tiros
de sete metros.

Artigo 22º - Cada equipe poderá inscrever no máximo 14 atletas por jogo.

VOLEIBOL

Artigo 23º - Os jogos de Voleibol serão regidos pelas regras em vigência na Federação
Paulista de Voleibol.

Artigo 24º - As partidas das fases de classificação e finais serão disputadas pelo critério de
melhor de três sets de 15 pontos, com diferença mínima de 2(dois) pontos, em sistema de tie-break.
8 ORGANIZAÇÃO
-ASSOCIAÇÃO ATLETICA ACADEMICA DO DIREITO E CENTRO UNIVERSITÃRIODO UNIFEB-
- PRO-REITORIA DE EXTENSÃO E CULTURA -
Artigo 25º - Cada equipe poderá inscrever no máximo 12 atletas por jogo.

JUDÔ

Artigo 26º - A modalidade de Judô será disputada somente na categoria masculino.

Artigo 27º - A modalidade de Judô será disputada por equipe, absoluta.

Artigo 28º - A disputa de Judô deverá constar de 3 lutas.

Artigo 29º - Antes do inicio da disputa deverão ser designados os atletas nº 1,2,3 de cada
uma das equipes.

Artigo 30º - Após a designação dos atletas de cada uma das Entidades, deverá ser realizado
o emparceiramento na presença de todos os jogadores.

Artigo 31º - Cada luta terá a duração máxima de 05 minutos.

Artigo 32º - Será considerada vencedora da disputa a Entidade que totalizar maior número de
vitórias.

Artigo 33º - Em caso de empate, a equipe que venceu a primeira luta será considerada
campeã.

Parágrafo Único – Persistindo o empate, recorrer-se-ão ao segundo e assim por diante.

Artigo 34º - As disputas obedecerão às regras nacionais vigentes, ressalvando os dispostos


nos demais artigos deste regulamento.

Artigo 35º - O atleta que iniciar a luta não poderá ser substituído qualquer que seja o motivo.

Artigo 36º - Se não houver o comparecimento de no mínimo dois atletas no prazo de 15


minutos antes da sua luta, será considerado W.O.

Artigo 37º - Fica proibido o uso de instrumentos sonoros pelas torcidas. Caso este artigo não
seja cumprido por alguma torcida, sua equipe, desde que reconhecida, esta estará sujeita as
penalidades previstas neste regulamento.

TRUCO

Artigo 38º - As equipes serão compostas por três duplas que jogarão simultaneamente. Será
disputada em categoria mista (masculino e feminino juntos) não tendo as Equipes a
obrigatoriedade de terem atletas de ambos os sexos competindo.

Artigo 39º - Será sorteada as equipes no congresso técnico assim como os esportes
coletivos.

Artigo 40º - O torneio de truco será organizado por um árbitro que apresentará na ocasião da
competição, seu regulamento.
9 ORGANIZAÇÃO
-ASSOCIAÇÃO ATLETICA ACADEMICA DO DIREITO E CENTRO UNIVERSITÃRIODO UNIFEB-
- PRO-REITORIA DE EXTENSÃO E CULTURA -
Artigo 41º - As regras apresentadas pelo árbitro deverão ser, devidamente, cumpridas pelas
equipes.

Artigo 42º - O árbitro tem atuação livre, com total autonomia, podendo intervir em qualquer
ocasião.

XADREZ

Artigo 43º - A modalidade de Xadrez será disputada em categoria mista (masculino e feminino
juntos) não tendo as Equipes a obrigatoriedade de terem atletas de ambos os sexos
competindo.

Artigo 44º - A modalidade de Xadrez será disputada por equipe, absoluta.

Artigo 45º - Cada equipe poderá inscrever no mínimo 2 (dois) e no Maximo 3 (três) atletas por
jogo.

Artigo 46º - A disputa de Xadrez deverá constar de 3 (três) partidas.

Artigo 47º - Antes do inicio da disputa deverão ser designados os tabuleiros nº 1,2,3 de cada
uma das equipes.

Artigo 48º - Após a designação do tabuleiro de cada uma das Entidades, deverá ser realizado
o emparceiramento na presença de todos os jogadores.

Artigo 49º - Cada partida terá a duração máxima de 30 minutos para cada jogador e serão
disputadas no sistema knock out.

Artigo 50º - Será considerada vencedora da disputa a equipe que totalizar maior número de
pontos.

Artigo 51º - Em caso de empate, a equipe que venceu o primeiro tabuleiro será considerada
campeã.
Parágrafo 1º - Persistindo o empate, recorrer-se-ão ao segundo e assim por diante.

Parágrafo 2º - Persistindo o empate, haverá uma partida relâmpago com cinco minutos
de duração para cada jogador entre tabuleiros a serem designados pelo capitão da equipe.

Artigo 52º - As disputas obedecerão às regras nacionais vigentes, ressalvando os dispostos


nos demais artigos deste regulamento.

Artigo 53º - O jogador que iniciar a partida não poderá ser substituído qualquer que seja o
motivo.

Artigo 54º - Para o início da partida de Xadrez, com o não comparecimento de uma das
equipes, serão acionados os relógios da mesma.

Parágrafo 1º - Se não houver o comparecimento de no mínimo dois jogadores no


prazo de 15 minutos após o acionamento dos relógios, será considerado W.O.
10 ORGANIZAÇÃO
-ASSOCIAÇÃO ATLETICA ACADEMICA DO DIREITO E CENTRO UNIVERSITÃRIODO UNIFEB-
- PRO-REITORIA DE EXTENSÃO E CULTURA -
Artigo 55º - Fica proibido o uso de instrumentos sonoros pelas torcidas. Caso este artigo não
seja cumprido por alguma torcida, sua Equipe, desde que reconhecida, esta estará sujeita as
penalidades previstas neste regulamento.

VOLEI DE AREIA

Artigo 56º - Será disputado por atletas do sexo feminino. Cada equipe poderá inscrever para
competição apenas uma dupla.

Artigo 57º - As partidas serão disputadas em melhor de 03 (três) sets de 21 pontos, com
diferença mínima de 2 (dois) pontos, em sistema de tie-break.

Artigo 58º - As regras apresentadas pelo árbitro deverão ser, devidamente, cumpridas pelas
equipes.

ARRECADAÇÃO DE ALIMENTOS

Artigo 59° - A modalidade arrecadação de alimentos deverá obedecer a critérios


estabelecidos pela comissão organizadora, os alimentos arrecadados devem ter a
obrigatoriedade de serem não perecíveis.

Parágrafo único – Será observada a data de validade dos alimentos, não sendo computados
na pontuação os alimentos vencidos.

Artigo 60 – O prazo para entrega dos alimentos arrecadados será até o primeiro dia antes do
início efetivo dos jogos.

Artigo 61 – Para a arrecadação de alimentos obedecer-se-á a seguinte tabela de pontuação:

1° Colocado – 15 pontos;
2° Colocado – 12 pontos;
3° Colocado – 10 pontos;
4° Colocado – 08 pontos;
5° Colocado – 06 pontos:
6° Colocado – 04 pontos:
7° Colocado – 02 pontos:
8° Colocado – 01 pontos

Artigo 62 – Para a aferição e determinação do primeiro colocado será os alimentos


computados devido a sua quantidade em quilogramas. Caso haja empate, as equipes que
empatarem receberão a mesma pontuação.

ATLETISMO

Artigo 63º - As provas serão constituídas:


a) Campeonato masculino feminino

a.1) 100 metros rasos


a.2) 400 metros rasos
a.3) 1.500 metros rasos
a.3) salto em distância
11 ORGANIZAÇÃO
-ASSOCIAÇÃO ATLETICA ACADEMICA DO DIREITO E CENTRO UNIVERSITÃRIODO UNIFEB-
- PRO-REITORIA DE EXTENSÃO E CULTURA -
a.4) salto em altura
a.5) arremesso do peso (5 kg)
a.5) Revezamento 4 X 100 metros rasos

Artigo 64º - Somente serão realizadas as provas que constarem com um mínimo de 02 (dois)
equipes inscritas e dois concorrentes.

Artigo 65º - Cada atleta poderá participar de três provas individuais e mais o revezamento.

Artigo 66º - O revezamento terá contagem de pontos em dobro.

NATAÇÃO

Artigo 67º - As provas serão constituídas:


a) Campeonato masculino

a.1) 50 metros nado livre


a.2) 50 metros nado costas
a.3) 50 metros nado clássico
a.4) 50 metros nado borboleta
a.5) Revezamento 4 X 50 metros nado livre

b) Campeonato feminino
b.1) 25 metros nado livre
b.2) 25 metros nado costas
b.3) 25 metros nado clássico
b.4) 25 metros nado borboleta
b.5) Revezamento 4 X 25 metros nado livre

Artigo 68º - Somente serão realizadas as provas que constarem com um mínimo de 02 (dois)
equipes inscritas e dois concorrentes.

Artigo 69º - Cada atleta poderá participar de três provas individuais e mais o revezamento.

Artigo 70º - O revezamento terá contagem de pontos em dobro.

“ELABORADO PELA ASSESSORA ACADÊMICA DA PRO-REITORIA DE EXTENSÃO E CULTURA ”