You are on page 1of 4

5

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ


S ETOR DE CIÊNCIAS EXATAS
DEPARTAMENTO DE EXPRESSÃO GRÁFICA
Prof. Anderson Roges T. Góes
ATIVIDADE 04 – COPIAR O TEXTO ABAIXO EM CALIGRAFIA TÉCNICA

Atividades do Eng. Químico na área de Projetos: Efetua cálculos de


equipamentos para projetos de instalação de plantas industriais ou parte dela,
utilizando recursos computacionais como programas de Cad/Cam; Especifica
materiais a serem empregados nos processos; Normalmente trabalha em escritórios,
tendo relações com fornecedores de equipamentos, área de produção, segurança,
processos químicos, higiene e meio ambiente.
Atividades do Engenheiro Químico na Docência: Normalmente este profissional
realiza cursos de pós-graduação (mestrado/doutorado) no país ou exterior; As
atividades desenvolvidas estão relacionadas ao ensino de nível superior e pós-
graduação, pesquisa e extensão.

NBR 8402 (Execução de Caracter para Escrita em Desenho Técnico)

A NBR 8402 (ABNT, 1994) normaliza as condições para a escrita usada em


Desenhos Técnicos e documentos semelhantes.
Visa a uniformidade, a legibilidade e a adequação à microfilmagem e a outros
processos de reprodução.
“A habilidade no traçado das letras só é obtida pela prática contínua e com
perseverança. Não é, pois, uma questão de talento artístico ou mesmo de destreza
manual”. (SILVA, 1987)1
A maneira de segurar o lápis ou lapiseira é o primeiro requisito para o traçado
das letras. A pressão deve ser firme, mas não deve criar sulcos no papel. Segundo
Silva (1987) a distância da ponta do lápis até os dedos, deve ser 1/3 do
comprimento do lápis, aproximadamente.
As sugestões para traçado de linhas são: horizontais e oblíquas: da esquerda
para a direita; e verticais: de cima para baixo.
Na execução das letras e algarismos podem ser usadas pautas traçadas levemente,
com lápis H bem apontado ou lapiseira 0,3mm com grafite H. Estas pautas são
constituídas de três linhas, sendo uma para a base da letra, outra para a parte
superior das maiúsculas e a última par a parte superior das minúsculas. As
distâncias entre estas linhas e entre as letras são apresentadas na figura e quadros
a seguir.

1
SILVA, S. F. A linguagem do desenho técnico. Rio de Janeiro: LTC, 1987.
6
UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ
S ETOR DE CIÊNCIAS EXATAS
DEPARTAMENTO DE EXPRESSÃO GRÁFICA
Prof. Anderson Roges T. Góes

CARACTERÍSTICAS DA ESCRITA

Fonte: NBR 8402 (ABNT, 1994)

FORMA DE ESCRITA A (D=H/14)


Características Relação Dimensões (mm)
Altura das Letras Maiúsculas - h (10/14)h 2,5 3,5 5 7 10 14 20
Altura das Letras Minúsculas - c (7/14)h - 2,5 3,5 5 7 10 14
Distância Mínima entre Caracteres - a (2/14)h 0,35 0,5 0,7 1 1,4 2 2,8
Distância Mínima entre Linhas de Base - b (14/14)h 3,5 5 7 10 14 20 28
Distância Mínima entre Palavras - e (6/14)h 1,05 1,5 2,1 3 4,2 6 8,4
Largura da Linha - d (1/14)h 0,18 0,25 0,35 0,5 0,7 1 1,4
Fonte: NBR 8402 (ABNT, 1994)

TRAÇADO DOS CARACTERES –NÚMEROS


7
UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ
S ETOR DE CIÊNCIAS EXATAS
DEPARTAMENTO DE EXPRESSÃO GRÁFICA
Prof. Anderson Roges T. Góes

TRAÇADO DOS CARACTERES – MAIÚSCULO


8
UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ
S ETOR DE CIÊNCIAS EXATAS
DEPARTAMENTO DE EXPRESSÃO GRÁFICA
Prof. Anderson Roges T. Góes
TRAÇADO DOS CARACTERES – MINÚSCULO