You are on page 1of 3

Afeganistão

 Localização geográfica e caracterização econômica e social do País:


 O Afeganistão é um país asiático, seu território está localizado no
centro deste continente. Faz fronteira com o Turcomenistão,
Uzbequistão, Tadjiquistão, China, Paquistão e Irã.

 Desde a Antiguidade, o Afeganistão tem sido objeto de invasões e


conquistas. Esse fato ocorre em razão de sua localização geográfica
privilegiada, pois é um ponto estratégico para as relações
comerciais e uma área estratégica de fundamental importância para
dominar a Índia ou estabelecer domínio na Ásia Central
A área que corresponde ao território afegão tem registros de
ocupação há mais de 2500 anos. A região foi ocupada pelo Império
Persa por volta de 500 anos A.C.Porém, após um século, Alexandre,
o Grande, através de suas tropas, invadiu esse território e fundou a
cidade de Alexandrópolis.
O Afeganistão é um dos países mais pobres do mundo (dois terços
de sua população vivem com menos de dois dólares/dia). Seu PIB,
em 2007, foi de 35 bilhões de dólares. No mesmo ano, seu
crescimento foi de 7,5% e o PIB per capita foi de tão somente 1.000
dólares. 53% da sua população estão abaixo da linha de pobreza.
Em 2005, a taxa de inflação foi de 16,3% e desemprego atingiu 40%
da população afegã.
As atividades do setor primário afegão são baseadas na agricultura
e na mineração. Embora pequenas, ocorrem exportações de lã,
pedras preciosas, algodão, metais e peles. Apesar de fraca, a moeda
afegã, o afegani, tem se valorizado bastante nos últimos anos.
 De modo geral, a economia afegã deve seu baixo desenvolvimento
à situação de guerra permanente, à falta de um governo central
efetivo e à fragmentação da sociedade em grupos tribais. 70% da
população do Afeganistão se ocupam de agricultura e criação de
gado. A agricultura é a principal atividade afegã, mas sua produção
cobre somente as necessidades do povo. Podemos destacar o
cultivo de vários tipos de frutas secas, nozes, sementes de rícino,
asafoetida (planta medicinal), tabaco, algodão e ópio. São criadas
ovelhas, cavalos, burros, bovinos, camelos, cabras e galináceos para
a obtenção de carnes, couros, leite, gordura e lã.
 A mineração inclui a extração de quantidades relativamente
modestas de ouro, lápis-lazúli, cobre, prata, berílio, carvão, cromo
zinco e urânio.

Forma de governo antes das manifestações:


O governo constitucional foi inaugurado em 1923, os títulos de nobreza
foram abolidos, a educação foi estabelecida para as mulheres e outras
medidas mais amplas que modernizavam as instituições tradicionais foram
reforçadas. A hostilidade provocada pelo programa de reformas do rei
levaram à revolta de 1929 e Amanullah abdicou e se exilou. Depois de
alguns distúrbios, o governo foi passado para Nadir Shah.

O novo governo, aos poucos, restabeleceu a ordem no reino. Em 1932,


Nadir iniciou um programa de reformas econômicas mas foi assassinado no
ano seguinte.
Seu filho e sucessor, Zahir Shah, que tinha apenas 19 anos quando assumiu,
foi dominado por 30 anos por seus tios e primos, principalmente seu primo
e, mais tarde cunhado, Príncipe Mohammad Daud Khan. O governo
intensificou o programa de modernização iniciado por Nadir Shah e
estabeleceu relações comerciais com a Alemanha, Itália e Japão. Zahir
Shah declarou a neutralidade do Afeganistão quando eclodiu a II Guerra
Mundial. No entanto, em 1941, a pedido da Inglaterra e da ex-União
Soviética, mais de duzentos agentes alemães e italianos foram expulsos do
país. Os Estados Unidos estabeleceram relações diplomáticas com o país
em 1942. Em novembro de 1946, o Afeganistão tornou-se membro das
Nações Unidas.

Motivações das manifestações